A Verdade da Notícia - Aparecida de Goiânia - Goiás

Notícias Mundo

Perfurando as linhas inimigas: descubra as características da nova bomba de fragmentação da Rússia

Produção em série da nova bomba planadora de fragmentação russa Drel deve começar antes do final deste ano

Perfurando as linhas inimigas: descubra as características da nova bomba de fragmentação da Rússia
IMPRIMIR
Use este espaço apenas para a comunicação de erros nesta postagem
Máximo 600 caracteres.
enviando

04-01-2024

Produção em série da nova bomba planadora de fragmentação russa Drel deve começar antes do final deste ano. Sputnik estudou quais são as características desta munição e se a bomba será usada na operação especial na Ucrânia.
"A bomba Drel já passou por todos os tipos de testes especificados pelo cliente", informou o serviço de imprensa da empresa estatal russa Rostec – a principal produtora de armas do país.
O serviço de imprensa acrescentou que as informações sobre o possível uso da bomba na operação militar especial russa são confidenciais.
 

Características da munição planadora

De um modo geral, uma bomba planadora possui superfícies de controle de voo para fornecer uma trajetória de voo mais plana e deslizante em comparação com bombas convencionais. Uma bomba, ou munição, de fragmentação é um tipo de arma explosiva lançada do ar ou do solo que libera ou ejeta submunições menores.
De acordo com fontes abertas, as dimensões e o peso da Drel são de 3,1 m de comprimento e 540 quilogramas. A altitude máxima a partir da qual a bomba pode ser lançada é de 14 km. Seu alcance é de 30 quilômetros.
 - Sputnik Brasil, 1920, 23.12.2023
'Força formidável': militar destaca bombas aéreas que superam sistemas Iskander em poder destrutivo
Vale ressaltar que o design da Drel permite que um avião de guerra carregando a munição solte a bomba sem entrar na zona de cobertura de defesa antiaérea do inimigo. Espera-se que o caça de quinta geração Su-57 e o caça-bombardeiro Su-34 sejam munidos com esta arma.
 

Capacidades

Baseada no princípio "dispara e esquece", a Drel contém 15 submunições e é projetada para destruir uma variedade de alvos terrestres, incluindo veículos blindados, artilharia, defesa antiaérea, estações de radar e centros de controle.
A navegação é realizada com a ajuda do sistema de navegação por satélite GLONASS e outros meios de orientação. Referindo-se ao conceito de "dispara e esquece", Aleksandr Kochkin, diretor-executivo da empresa Tekhmash, disse anteriormente à Sputnik que a Drel é capaz de voar independentemente pela distância determinada e atingir alvos no momento designado.
"Mesmo que essa submunição [da bomba Drel] não detecte um alvo, ela se autodestruirá logo depois e não representará um perigo para a população local após a cessação das hostilidades", enfatizou Kochkin.
Comentários:

Veja também

Crie sua conta e confira as vantagens do Portal

Você pode ler matérias exclusivas, anunciar classificados e muito mais!